sexta-feira, 28 de setembro de 2012

0

Metáforas... [01]

Bem, começarei mais uma série, conjuntos ou capitulos de textos, frases, ou palavras metafóricas, é bom que entendam meu conceito de metafóras...

Segundo o wikipédia (não sei porque ainda uso isso) 
"Metafora: é a palavra ou expressão que produz sentidos figurados por meio de comparações implicitas."
Exemplos: "Amor é fogo que arde sem se ver"  Luis de Camões
Bem meu conceito não é muito diferente, só acrescentando... Metaforas para mim, é algo que tenha vários sentidos em uma única palavra, frase e etc., ou algo expresso, mas que está escondido nas entrelinhas de uma palavra... Bem irei começar... Nem todos entenderão exatamente o que eu realmente quis expressar, as essa é a lógica das metaforas... e por favor, não relacionem com fatos sobre mim, normalmente esses textos são coisas vagas na mente...

_____________________________________

"[...] Os cegos cravaram uma faca em meu peito, mas já estava morto, era inútil, então, começaram a se esfaqueiar loucamente, mesmo morto, as dores eram inevitáveis, não da faca em meu peito, mas sim, a cada golpe que desferiram a sí mesmo, o fato de estarem cegos, tira a culpa dos meus ferimentos sobre eles, porém, não os torna inocentes... Com alma morta, este tipo de dor já me é suportável por um tempo, porém, já estão perdidos no escuro o suficiente para enfrentar a verdade[...]"

"[...] Resurgi do Tartaro, o fogo surgiu em meu corpo... Fogo inexstiguivel [...]"
"[...] Sangue já foi derramado, se for preciso, o meu se esvairá[...]"



sábado, 22 de setembro de 2012

0

O Louco, a Alma e a Guerra

Fonte: http://arquivoverdade.blogspot.com.br/
  Instigante é o ser humano que utiliza seus meios loucos e insanos, de um sentimento descontrolado, cego e de fio afiado. Louco do ser que vide de sentimentos, deste duvido que sua vida será longa, a loucura será tão frequente que será um transtorno, por este é bem provável que acarretará em uma morte. Estes também são os loucos que querem subir a um prédio num pulo, loucos estes que sempre acham que estão certos, e sempre dizem: "Você não sabe é de nada", estes que duvidam até mesmo daquilo que um dia tinham plena convicção racional. Aos que convivem ao lado destes loucos que se cuide, que ache seu único caminho, a solução disto, que tire as vendas destes cegos ou que se distancie...

Não sei o que heis da alma, que nos leva a perdição, que algumas vezes nos derrama sangue, poderia a chamar de maldita, mas há algo de bom nela, por exemplo, a piedade que vos aplico agora, porém prefiro manter-me distante, pois não sei se nesta inimizade invisível há equilíbrio... Em meio ao silêncio encontrei minha Paz, ou o início da Guerra sem fim...

"Quem tem ouvidos Ouça" Mt 13:9, foi o que disse Jesus,

Enquanto ao que escrevo e digo, "que tenhas capacidade de compreender profundas metáforas, e infinitos raciocínios"